Foto da cena do desaparecimento.
Foto da cena do desaparecimento.

Caros leitores

Lamentamos informar que nessa rodada não teremos conto da autora Leide Fuzeto Gameiro.

Passamos a segunda-feira aguardando sua publicação . No início da terça-feira, dia 30/09/14, encontramos um bilhete que dizia: “ Não consegui terminar, gente. Desculpem. Vai ficar pra amanhã.” Tentamos entrar em contato com a autora e não obtivemos sucesso. Até o momento ela se encontra desaparecida.

O caso está sendo investigado, ainda sem conclusões definitivas. A investigação trabalha com a suspeita de sequestro, pois o bilhete contém indícios de falsificação. Não há ainda nenhum pedido de resgate. O que leva a crer que o motivo pode não ser extorsão. Não está descartada a hipótese de rapto por um fã obcecado. Sendo assim, todos são suspeitos. Todos os seus leitores serão interrogados. Aguardem a intimação.

Outra linha de investigação acredita que o conto anterior teria desencadeado um desaparecimento voluntário. Testemunhas disseram que a autora teria declarado não ter entendido a trama do autor Fabio Terre e em suas últimas aparições encontrava-se nitidamente preocupada com a dificuldade em enlaçar. E vários rascunhos foram encontrados em seu computador, o que seriam tentativas infrutíferas de escrever um conto. Se essas informações se confirmarem, o senhor Terre passará a ser o principal suspeito e poderá ser acusado pelos crimes de sabotagem, assédio intelectual e conspiração.

Aproveitamos para esclarecer que as especulações da mídia em nada contribuem para o desfecho satisfatório do caso. Não acreditamos que ela tenha sido abduzida para Vênus, ou que seja, na verdade, uma agente marciana, infiltrada na Terra para roubar nossa criatividade. Pedimos que não acreditem em tudo que leem, principalmente quando se trata da crítica literária.

A fim de não prejudicar a leitura da semana, estaremos contratando um escritor em caráter excepcional. Esperamos que nosso convidado possa compensar esse contratempo e entretê-los até que o caso seja resolvido.

Sem mais,

Enlaces Literários

Anúncios